Quem?
Quem me roubou de mim
Jamais me irá roubar
Encontrei-me aqui tão perto
Não sei se era mar ou o deserto
Mas resgatei-me a mim mesma
Neste meio abundante
De tudo que eu deixei
E que agora recuperei
Mas alguém me roubou de mim
E eu permiti desde então
Nao estaria lúcida
Ou não encontrava razão?
Agora que me encontrei
Ja não interessa a razão
Está tudo em mim mesma
Tal como tinha deixado
Não voltara a acontecer
Porque isso seria perder
Vou caminhando em frente
Acompanhada de mim
Abram alas abram ruas
Porque agora será assim
Nunca mais me roubam de MIM

AC Outubro de 2013

Anúncios