img_0063

Ansiedade, é pressa que o ontem regresse, e que o amanhã se apresse

É exactamente isto, vivemos apressadamente em busca de mais à frente, para fugir do presente, e no presente, vivemos angustiados, a pensar nos momentos passados.

As nossas vidas são assim mesmo, em modo ansiedade, esquecendo o agora, e de o viver intensamente, ao mesmo tempo, trabalhando um futuro enixistente…

Quando damos por ela, estamos no futuro, aquele e que tínhamos inventado no presente, e que agora é passado…

A vida é tramada, está sempre desencontrada, ficamos desnorteados, em busca de nada, pois que nada, não existe em tempo algum, nem no presente , nem no passado e nem no futuro, nada, é mesmo nada, esse vácuo onde vivemos, inventando formas de lá estar, para poder seguir em frente, neste mundo repleto de iditotas e de gente, de teorias e mentes vazias , fazendo crer a nós mesmos, que temos o poder de idealizar o futuro, partindo das circunstâncias do agora…

Agora , é onde estamos, onde nos encontramos, onde tudo acontece da forma que nos apetece, e se nos distrairmos, com coisas e assuntos que não existem, corremos o risco de nunca aprendermos  com o passado, nem de como, bem, chegar ao futuro, por isso viva o presente em modo, INTENSAMENTE…

EU E O MUNDO

Albertina Correia

A negrito, passagem de livros meus, “Folhas Soltas” e “Silêncio ”

 

 

 

Anúncios