Pela noite, vagueio calada
Pensando que penso em tudo
E de tudo que penso não é nada…
Mas saio porta fora
Palmilhando a noite encoberta
Decorando cada segundo
Da noite deste belo mundo
E
É pela noite dentro
Que o pensamento fica mais intenso
E na calma da brisa nocturna
Me deixo ficar
Porque no dia seguinte
Tudo será diferente
Talvez até mais imponente…
Como disso não tenho a certeza
Devoro cada pedacinho
De cada segundo do meu mundo…
E mais uma vez, grata universo
Por fazeres tudo sempre tão certo…
E quando no final se respira bem fundo
Então percebemos
Que é certo tudo o que escrevemos…

EU E O MUNDO 🌎

Anúncios