folhas soltas

Com o virar da página

Tem sempre mais uma folha

Não solta,

Mas prestes a ser largada

Por dentro da madrugada

Levando a mensagem no tempo

Empurrada também pelo vento

Universo afora

Depressa e sem mais demora…

Eis que chega ao destino

Entregue ao destinatário

Endireitou-se

Vergou-se

Transportava o passado…

Era uma folha solta

Viajando no tempo

Empurrada pelo vento…

Adormeceu  de cansada

Da viagem atribulada

Por levar sem mais demora

Um passado que passou

Um futuro que voltou…

Por agora fica parada

À frente da pagina voltada

Aguardando um novo tempo

Num presente de um passado

Há muito para trás deixado…

(estados de alma)

25/11/2014

Albertina Correia

Anúncios