P1050978

Natal, correm por aqui, por ali, e não param…

A viatura foi contra a da frente, mas não tem mal, é Natal…

Os sorrisos, e até pancadinhas nas costas, tem outro sentido, afinal não é todos os dias que estamos no Natal!!!

E assim vão em frente, quem arcou com o prejuízo, não se sabe, mas como é Natal, ninguém levou a mal!!!

A senhora entra na loja, é empurrada, mas como é tempo de festa, coloca sorriso na cara, vai em frente porque afinal atrás tem mais gente!!!

E tudo é normal, os ânimos não se exaltam, tudo é reconsiderado, esta energia imponente não deixa ninguém indiferente!!!

Mas………………..,  caiu uma bomba além fronteiras, coitados, como será seu Natal?

Coloca-se  um semblante preocupado quanto baste,  por minutos ficam em silêncio, e,  a questão deixou de ter  razão!!!

Na estrada os carros perecem querer levantar voo, talvez estejam atrasados, mas  não se percebe para onde, pois muito deles ficam estacionados…

Não, os horários não estão trocados, e amanhã é outro dia, porque afinal, depois do dia 25, tem sempre o dia 26, e para o ano vai existir mais, mas, se mais não poderem ter, que se lixe, porque o hoje tem tantos dias, que os restantes ficam em conta corrente …

E,  é sempre esta roda viva, de pessoas mortas de cansaço, de festas com tanta gente e outras tão solitáriamente…

Mas é Natal, por isso ninguém leva a mal…

A sensação é de fim de linha, por isso gosto do meu silêncio, consigo perceber tudo o que lá vai dentro…

Porque, Não, não é o fim, é apenas mais um dia, carregado de boa ou menos boa energia, que nos transporta para as portas da saturação, destes dias infernais, em tudo muito anormais !!!

Tenho saudades dos outros dias, daqueles que são verdadeiros, onde o sol tem o seu tempo, a lua não desiluda, e as estrelas acendam o céu, afinal é o meu universo que sempre FAZ tudo certo…

Verborreias destes tempos, que iludem, inundam, arrasam, e cansam, não dando margem para entrar,

De verdade no verdadeiro lugar!!!…

EU E O MUNDO

Anúncios