Hoje foi diferente
Substitui a lua, pelo Sol poente…
Não que seja diferente, ou menos imponente
O que conta, é momento que trazemos dentro
Desta vez ele ditou
Que seria o cair do dia
Ao invés da noite fugidia …
E foi bom do mesmo jeito
Estava tudo a preceito
Os pensamentos mudaram de lugar
Tiveram outro alinhamento
Pois tanto o sol poente como a noite tranquila
Carregaram em mim camadas infindáveis de energia…
E foi bom,
Bom de forma singular
Ouvi outros “cantos” no mesmo lugar
Os recados foram mais iguais
Harmonia, paz e tranquilidade
É assim que se veste a minha vaidade
Enquanto desfila pelo sol poente
Enchendo de brilho incandescente
A calçada alaranjada e omnipresente
Dando assim espaço à Lua ausente…

EU E O MUNDO 🌎

Anúncios