A vivência, mede-se pelas horas de um relógio, inventado…

Somos escravos dele mesmo, esperamos cada hora, cada minuto, para podermos fazer o que é suposto fazer…

Estamos controlados por pequenas e grandes máquinas, das quais, o ser humano há muito já perdeu o controlo de grande parte…

Somamos e seguimos em frente, com invenções do passado, invenções do presente e assim vamos…

Não tem como reverter, ou fazer diferente, porque a máquina foi preparada há muitos anos, aperfeiçoada constantemente, envolvendo toda a espécie de gente…

Então, a nossa vivência resume-se a horas, inventadas por qualquer relógio, que nunca pára…

EU E O MUNDO

Anúncios