A BETTER WORLD IF WE CAN…

 

 

 

 

 

 

 

When I open the door, I can see the world, the wonderful world.

I see the rain, the flowers , the trees, the blue and dark sky, the wind, the rain, the snow, and so on… Oh, I forgot, I see people too…

These people who make the world a very bad place to live.

For these people there are a lot of rules, but it’s like there aren’t any…

When I open the door I see all the things that we want, but the rules penalize the good people, not bad people…

We live in a world full of rules, but chained to it…

It’s our world, our wonderful world but it does not belong to us at all…

So, when I open the door, I see all the things that I don’t want and I close the door to live and love a personal world, just mine…

After I sleep and dream about it again…

At the end, I always close the door and I dream with a better place to live and love…

JUST LIVE!

  • JUST LIVE
  •  

    Anúncios

    ONDE A RAZÃO IMPERA O SILÊNCIO SE IMPÕE…

     

     

     

     

     

     

     

     

     

    (…) Por vezes, pensamos de nós para nós, mas que porra de vida a minha, sem ter a noção da vida que consciente ou inconscientemente foi escolhida.

    Não obstante tantos chavões, tantas teorias, tanta informação do que é supostamente certo, nada, mas mesmo nada, resolve, justifica, ou simplifica o que vai em cada ser humano.

    Nada é estanque, como tal, as referidas teorias não tem aplicabilidade, já que, o ser humano está em constante mutação, pelo que, o que hoje pode ser certo amanhã será ou não.

    Somente nós, enquanto seres individuais que somos, podemos gerir o que nos vai dentro e fora do corpo físico e psicológico, ninguém pode ou sabe opinar, porque, ninguém mora dentro de nós, apenas creem com verdades e experiências próprias, que são mesmo isso, as próprias, nada mais. (…)

    O MOMENTO É AGORA

    E QUANDO NÃO HOUVER O DEPOIS?

     

     

     

     

     

     

     

     

     

    Hoje estamos aqui

    E quando já não houver mais nada para acrescentar, iremos para outro lugar…

    Mas, e quando não houver depois?

    Ficaremos  com a  simples percepção, do que em nós sobreviver…

    Não teremos mais razão, não queremos mais emoção

    Na verdade não saberemos o que queremos…

    Mas ainda estamos aqui

    Pensamos no que já vivenciamos

    Fazemos parte do passado,  do presente, sem pensar no futuro ausente…

    Porque quando não houver depois,  logo se verá

    Talvez o acordar seja então no tal lugar

    Belas serão as paisagens, e as novas margens

    Belos e intensos serão os tempos

    As horas deixarão de o ser

    Porque imperará uma melhor forma de viver

    E mesmo que não haja depois

    Alguma outra coisa haverá e viveremos para a vermos

    E se tudo falhar, será porque chegou finalmente o vácuo,

    O tal vazio sem fim

    E um infinito interdito …

    EU E O  MUNDO

     

    MAIS OU MENOS ISTO…

     

     

     

     

     

     

     

     

     

    Eu nasci mulher, e mulher me criei…

    Nunca em momento algum, me insurgi ou me senti menor por ser do género feminino.

    Nada ganhei por ser mulher e nada perdi por ser mulher, desde que tenho noção das coisas…

    Não tenho memória de que tenha tido este ou aquele entrave,  por conta do  género que sou e não gostaria de ser de outro, que não o que tenho.

    Escrevo neste dia sobre este tema, por ser enfadonho a quantidade de post’s que se fazem/escrevem,  alusivos a este dia, por raros serem os que mencionam a verdadeira razão.

    Já todos sabemos porque se comemora o dia da mulher, quem não sabe, é de fácil a pesquisa, mas isso já passou, sou grata, vou ser sempre grata, mas não implica que tenha que comemorar este dia, como se a mulher só um dia tivesse.

    Tudo é valido, para se instrumentalizar a favor do consumismo, e, é triste de ver tanta mulher juntar-se, por causa de um dia que deveria ser celebrado com reflexão, e não com festas  jantares e outros tais.

    Tudo se desvirtualiza neste século,  e este dia não é excepção à regra, apenas escrevo porque sou uma Mulher, mas não me revejo em festas de minorias, num tempo que já não faz sentido.

    O tempo será sempre de reflexão, para quem morreu trancada numa fabrica, nos dias de hoje isso não existe, cada um/a actua conforme suas necessidades e como dá jeito…

    Que não se  evoquem dias, para justificar o que já não tem justificação, que não sejam mentes estacionadas  apenas porque sim…

    A Mulher é o topo do mundo, nela vive tudo que é vivo, nela se esgota o inesgotável, nela reside forças para além da força, nela e com ela, tudo se completa e se torna pleno, nela se cria, desenvolve e expande, nela e Ela é um mundo, tudo gira em si e por si, todo o resto é invenção para dar sentido ao que sobra.

    E o  que sobra faz falta, mas que não se manipulem mais as mentes e  que não se deixem ser com ou sem consciência manipuladas, porque somos mais que a soma das partes…

    (eu sei…)

    EU E O MUNDO…

     

     

     

     

     

     

     

     

     

    Está  longe a calçada

    Vejo-a por entre vielas e pessoas singelas…

    Carrregam vidas enfadadas

    Crentes que tudo podem

    E com elas não podem mais nada…

    Maquilham  a mente prodigiosa

    Por entre traços marcados e outros mal desenhados

    Pedem sonhos reais de coisas até fatais

    E no final ficam apenas mais iguais…

    Por  isso, cada vez mais a calçada amarelada

    Se afaste de mim , e foge por outra estrada

    Ignoro as pessoas, essas que andam às avessas

    Faço de conta

    Porque no final o que conta nãos são essas

    Mas as outras que constroem verdades

    Vidas, mundos e outros assuntos…

    EU E O MUNDO

    MÃOS…

     

     

     

     

     

     

     

     

     

    As mãos que acariciam

    Que percorrem cada pedaço de ti

    Que colhem aquela flor

    Que transmitem aquele calor

    Que seguram a vida

    E que fazem parte de mim…

    São as mesmas que trabalham

    Que limpam as lágrimas

    Que se fundem com o rosto

    Encobrindo muitas vezes a dor

    De não amar e de não sorrir …

    E são as mesmas

    Que tocam no teu olhar

    Que por vezes te fazem sonhar

    Esquecendo o tempo que têm…

    São apenas mãos

    Que carregam todo o sentir

    E transmitem tudo que faz sorrir

    E nem por isso deixam de ser mãos

    Que aplaudem cada sucesso

    E suportam cada fracasso

    E que caiem sobre si mesmas

    Quando cansadas de remar

    Contra tudo que as faz sonhar

    E assim são as mãos…

     

    AC  08/12/2013

    EMPRESAS GRANDES ARTIGO DE OPINIÃO/EXPERIÊNCIA…

     

     

     

     

     

     

     

     

     

    Já todos sabemos o que são empresas grandes, elas andam por aí…

    No entanto, empresas grandes, tendem a ser despersonalizadas e desprofissionalizadas, pois que, ao que  parece cada um (pessoa) é dono do seu mundo (pensam), esquecendo-se do todo…

    Nunca me passaria pela cabeça, marcar uma reunião, com dia e hora, e na própria hora  desmarcar, atirando para um “que espere” ou um “que volte a marcar”…

    Contudo,  por vezes lá se espera, dependendo do peso que pode representar para quem  lá vai…

    Usa-me e abusa-se de um nome “grande” pensando que com ele tudo se pode, inclusive esperar se quiser, não obstante marcarem hora e dia…

    Mas não tem que ser assim, depois de esperarmos algum tempo, até por cortesia, como se fossemos os faltosos, chega o momento que é necessário dizer basta…

    No mundo empresarial, nem tudo que é muito grande tem muito brilho ou muito profissionalismo,  antes pelo contrário…

    Portanto, é preferível ser uma Grande Empresa  do que uma empresa grande…

    EU E O MUNDO EMPRESARIAL

     

     

     

     

    AINDA TENHO TEMPO…

     

     

     

     

     

    Tenho tempo
    Mas não muito mais
    E por mais que eu o quisesse, também já não me apetece…
    Todo o tempo que tive e tenho
    Fiz do melhor que pude e  soube
    Nem sempre o soube bem, nem sempre o pude melhor
    Mas o melhor que sou e pude
    Reflecte o que tenho e sou….
    E, sou assim deste jeito
    Mas sem jeito algum
    Confio desconfiando, crente  do que imagino acerca de…
    E esta é a forma que eternizo, dentro do que penso e preciso
    Mesmo por vezes não parecendo fazer sentido…
    Gosto das pessoas como as imagino
    E não, como elas de facto o são…
    Estarei sempre condicionada pela minha mente 
    crente
    E crente em tudo que quer e pode
    Sobre mim e sobre todos
    Do jeito que mais me reconforta
    Para seguir vivendo tal qual, como eu a compreendo…
    A vida parece difícil,mas desta forma eu a descomplico
    Porque, para viver não baste nascer e ser
    Para viver, temos que ultrapassar os nossos limites
    Fazer de conta que nem estamos tristes
    Mesmo quando nos tentam roubar a alma…
    E neste vai e vem de pessoas e de mim’s
    Me farto, me encho, me esvazio
    Ficando muitas vezes prostrada
    Deitada sobre qualquer calçada
    Buscando outras energias, para fazer frente a esta multidão de gente…

    EU E O MUNDO

    Imagem

    DIAS ESPECIAIS

    Mais um ano 😊

    DIAS ESPECIAIS

    Todos os dias, são dias especiais
    E porque existem dias especiais?
    Não existem porque existem
    Existem porque existimos

    Cada um tem um sabor único
    Uma leitura única
    Um começar e prolongar
    Até o novo ano chegar

    Os dias só por serem dias
    Já são super especiais
    E não é por causa da chuva
    Nem pelo sol brilhar mais

    São, porque em cada um deles
    Tem uma historia anexada
    Uma pessoa firmada
    Uma historia vivida
    Uma vida contada

    Então os dias especiais existem
    Porque você existe
    E
    E hoje não podia ser excepção
    21 de Fevereiro
    É
    Dia super especial
    Não por ser sexta feira
    Mas sim
    Porque celebra uma vida inteira

    Vida de alguém especial
    Que lhe deu um sentido
    Que fez com que 21 tivesse existido
    De uma forma universal
    Dando a excelência ao dia
    Contribuindo com uma existência
    De alguém que faria  a diferença

    21/02/2014 ……………………….Albertina Correia

    View original post

    NUM INSTANTE…

     

     

     

     

     

     

     

     

    O tempo, paulatinamente
    Ou apressadamente vai passando
    E se bem vivido, todo esse tempo fará sentido…
    Não existe vontade que pare
    Mas que avance, rumo ao que deve ser
    Porque pelo meio, fica uma vida bem vivida
    Sem saudade da que passou e passa
    Nem com pressa de coisa alguma
    Porque, entre uma e outra, existirá sempre o tempo certo
    Deixando as certezas de que tudo vale a pena
    Porque, quando o tempo é bem vivido
    Todo ele, faz o nosso sentir e sentido…

    EU E O MUNDO